• Categoria:
  • Data: 07/06/2018
  • Escola: Claretiano - 6° Ano EF II - Salesópolis
  • Acomodação: -------------------
  • Transporte: Rodoviário
  • Local: Salesópolis - SP
  • Itinerário: São Paulo / Salesópolis / São Paulo
  • Contato: Uggi: (11) 3733-4059

Salesópolis

Nascente do Rio Tietê

“a trajetória de um rio, símbolo de uma esperança”

Visitar a nascente do rio Tietê é uma experiência marcante, algo como visitar o símbolo de uma revolução ou um marco da historia de um povo. Conhecer esse lugar, muito pequeno, quase simbólico, merece um estudo prévio e profundo sobre as questões relativas a esse rio. 

Percorrer os poucos quilômetros que separam o centro de São Paulo e Salesópolis, município onde está localizada a nascente, de mente e olhos abertos é importantíssimo para compreender a degradação ambiental que esse curso dágua sofre desde sua região de origem até sua passagem pelo centro da cidade de São Paulo. 

A água límpida da nascente segue seu curso em direção à Usina de Salesópolis e à Barragem Ponte Nova, tendo no caminho a contribuição de inúmeras outras nascentes. Represado na Ponte Nova, o rio segue vagaroso em direção à cidade de Mogi das Cruzes, passando antes por uma parte do cinturão verde de São Paulo, repleta de plantações de hortaliças e verduras. Antes de passar por Mogi, embora ainda tenha vida, já apresenta sinais sérios de deterioração. Poluentes orgânicos, plásticos e agrotóxicos são encontrados na água. A concentração de oxigênio aos poucos diminui e na região metropolitana a vida deixa de existir. 

Entre Mogi e Itaquaquecetuba, ainda possui alguma vida, mas o impacto causado pela poluição acumulada ao longo de décadas, o aumento da população periférica ao longo do rio, ligações clandestinas de esgoto, lixo jogados nos córregos e indústrias que ainda poluem, entre outros problemas, dão o golpe de misericórdia no rio Tietê, que passa como um caldo de detritos a céu aberto pela nossa cidade.

 

`` ... E o Tietê deu a São Paulo quanto possuía: o ouro das areias, a força das águas, a fertilidade das terras, a madeira das matas, os mitos do sertão. Despiu- se de todo encanto e todo mistério: despoetizou-se e empobreceu por São Paulo e pelo Brasil.”

 

                                          Alcântara Machado

Comentários
Natacha Capozzi03/07/2016Gostaria de mais informações sobre esse roteiro. Grata.
Deixe seu Comentário!
Nome
E-mail
Comentario
Todos Direitos Reservados UGGI @2014 - 2015
Desenvolvido por PopComm